Quomodo Blog

Seja para dar uma voltinha no parque ou para um dia na casa dos parentes – os papais e mamãe sabem que qualquer passeio com os pequenos exige um grande planejamento. Nessa hora, muitos responsáveis ficam confusos com o que se deve ou não levar. A vantagem é que não tem certo ou errado: montar a bolsa do bebê é algo que se aprende com o tempo, dependendo do comportamento e hábitos dos pequenos. No entanto, tem alguns itens e dicas que servem para a maioria das ocasiões e que podem facilitar muito a vida dos papais. Confira nossas dicas!

 

Mantenha sempre uma bolsa “semipronta”

 

Todo mundo sabe que emergências acontecem. Esperamos que não, mas se você precisar levar o filhote na emergência no meio da madrugada, vai ajudar bastante se já tiver uma bolsa semipronta à disposição. O ideal é ter um tamanho médio, com os itens mais importantes: documento do bebê (pode ser uma cópia), fraldas, manta, lenços umedecidos e carteira de vacinação, se ele ou ela já tiver.

 

 

Troca de fraldas

 

Realmente não é muito divertido trocar a fralda dos bebês fora de casa, mas tem alguns produtos que deixam esse momento mais tranquilo. Um deles é o trocador de fraldas portátil, que tem forro impermeável e é super tranquilo de dobrar. O enchimento fofinho vai deixar seu filho ou filha no maior conforto enquanto você faz o trabalho sujo – literalmente!

 

 

É claro que a grande “estrela” do momento são as fraldas. Você pode optar pelas descartáveis ou de pano e a nossa dica está na quantidade: são oito unidades para bebês de 0 a 12 meses e seis fraldas para bebês de 1 a 2 anos. Se a escolhida for o modelo de pano, lembre-se de levar um ziploc, aquelas embalagens de plástico, para guardar as fraldas sujas.

 

Amamentação

 

Algumas mamães ficam constrangidas se precisam amamentar em público. Saibam que a lei está do seu lado: em nenhum local do Brasil, a prática pode ser considerada criminosa ou ilegal. Dessa forma, as lactantes podem amamentar sem qualquer sofrer qualquer tipo de constrangimento. Se você precisar, leve na bolsa um protetor de seio de silicone. O item ajuda nos  casos de fissuras e rachaduras nos mamilos, adaptando-se facilmente ao formato do seio e proporcionando maior conforto a mamãe e ao bebê.

 

 

Babador

 

Os passeios vão muito além da troca de fralda e amamentação – ainda bem! Para curtir mais esses momentos tão gostosos com os pequenos, existem alguns acessórios que são essenciais. O babador, por exemplo, é uma mão na roda e já é útil antes mesmo do pequeno começar a comer – a partir dos dois meses, o bebê passa a produzir cada vez mais saliva e não sabe como controlar isso. Esse acessório vai evitar que a roupinha fique molhada.

 

 

Anotou as dicas? Então dá uma passadinha lá na Loja Era Uma Vez e garanta tudo o que é necessário para deixar o passeio ainda mais gostoso!

Deixe aqui seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não envie SPAM para nosso Blog. Seu comentário será avaliado pelo nosso administrador.